• Bloody Mary

Godhound anuncia título, capa e tracklist de álbum de estreia



Originalmente formada em Natal/RN em 2010, e hoje radicada em Mossoró/RN, a Godhound é concisa em sua exploração artístico-musical: viabilizar o clássico por uma perspectiva contemporânea. Até aqui, o quarteto que é atualmente formado por Kael Freire (v/b), Vitor Assmann (g), Lázaro Fabrício (d) e Victor Freire (g), lançou dois EPs, o autointitulado "Godhound" de 2012 e "God Above... Hound On The Road" de 2013, que definiram a base criativa do grupo: rock clássico com referências do stoner rock e heavy metal que anseiam pelo desconhecido. Depois de mais de 10 anos tocando por vários estados do Nordeste, incluindo uma mini-turnê e participações em grandes eventos como o renomado Festival DoSol e a Virada Cultural de Natal, a Godhound está madura o suficiente para disponibilizar seu primeiro álbum cheio: “Refueled”. Gravado e produzido pelo próprio baixista e vocalista Kael Freire, “Refueled” vai reunir oito faixas inéditas: “Jack The Lumber”, “Deathmask Trucker”, “Diesel Burner”, “Open Letter”, “Takeover”, “Rockin Spirit”, “Warriors” e “Gravestone”. "A maioria das músicas do Refueled foram compostas entre 2014 e 2018, período que estivemos um pouco afastados dos palcos, porém ativos nesse processo criativo”, conta o baterista Lázaro Fabrício. “Houve outras composições que também nasceram durante a pandemia e podemos dizer que, no geral, as composições de Refueled são mais maduras em relação aos trabalhos anteriores. Nesse disco também exploramos outros elementos e estruturas musicais, resultando em um álbum com músicas distintas entre si. Da mesma forma que temos sons com uma pegada mais clássica como 'Gravestone' e 'Rockin Spirit', temos composições que seguiram uma linha mais pesada, como 'Diesel Burner' e 'Takeover'. 'Deathmask Trucker', 'Jack the Lumber' e 'Warriors', por outro lado, trazem uma sonoridade mais semelhante aos primeiros trabalhos e EP's da Godhound e aquela identidade já consolidada da banda e que não pode ser esquecida”.


A arte da capa de “Refueled” foi desenhada pelo grande artista Wildner Lima (Kiss, Mötley Crüe, Ministry, Clutch, etc) e, de acordo com o guitarrista Victor Freire, representa o desejo da banda em retratar a relação de pertencimento com a região Nordeste, assim como ao semiárido, ao sertão e o clima seco da cidade de Mossoró. "A arte é realmente fantástica e nos impactou muito. Buscamos dar toda liberdade artística ao Wildner. A carcaça do boi, imagem central na capa, conversa muito com a capa do nosso segundo EP. Já a ideia dos carcarás e as joias usadas pelos cangaceiros, são elementos presentes no imaginário coletivo e retratam, de alguma forma, a cultura nordestina. Não obstante, no contexto do álbum, sugerem ressignificação, força, reabastecimento, de fato, seja em relação às ideias e concepções relacionadas à banda, seja quanto aos aspectos musicais em si". Totalmente gravado, “Refueled” está agora em fase de mixagem e masterização. O álbum está programado para ser lançado ainda no primeiro semestre de 2022. Um single deverá ser disponibilizado logo em Fevereiro. Até lá, para ouvir os EPs já lançados pelo Godhound, acesse: Spotify: https://spoti.fi/3xnveqk Deezer: https://bit.ly/3HOQda5 Youtube: https://bit.ly/3FKpUjt


Fonte: Som Do Darma

aa43c293-5edd-4c6d-89ed-17bdf0b2ce2e.jpg