top of page
  • Foto do escritorMari Goé

CALLIGRAM lança novo single e videoclipe, Frantumi In Itinere


‘Frantumi In Itinere’ é o novo single e clipe do quinteto multinacional CALLIGRAM que conta com dois brasileiros na formação. A faixa faz parte de seu próximo álbum, 'Position/Momentum', que será lançado pela Prosthetic Records em 14 de julho. ‘Frantumi In Itinere’ é a segunda faixa a ser retirada do segundo álbum do grupo de metal extremo baseado em Londres, Reino Unido, com um intenso foco temático na consciência humana, no caos e na morte. CALLIGRAM também anunciou recentemente as datas da turnê no Reino Unido com passagens por New Castle e Camden, em maio, e Derby, em julho (mais datas a serem anunciadas em breve).

➤ Assista Frantumi In Itinere

Bandcamp: https://calligram.bandcamp.com/album/position-momentum Apple Music: https://music.apple.com/gb/album/position-momentum/1649826208 TIDAL: https://tidal.com/browse/album/253559943 Deezer: https://www.deezer.com/br/track/1959751197 ➤ Pré Venda Position/Momentum: https://lnk.to/calligram Sobre ‘Frantumi In Itinere’ CALLIGRAM comenta: "Esta música é sobre morte e consciência. Os limites da consciência humana são o "alcance do pensamento". Como humanos, naturalmente nos esforçamos para superar os limites, o que significa, neste caso, levar a consciência além do campo do pensamento humano em algo maior, mais vasto e incompreensível para o pensamento e inalcançável para o intelecto. Ao mesmo tempo isso é assustador porque esse mesmo limite é o que nos define e nos mantém vivos: a ideia de "vida" está dentro de seus limites."


Sobre o disco ‘Position/Momentum’, ouvir a mais recente oferta do CALLIGRAM pode não evocar instantaneamente sentimentos de alegria imediata, mas, entre os uivos intensos e os riffs enegrecidos, há muito o que comemorar sobre a chegada desta obra. A banda escolheu o The Parlor Studios, em Kettering, na Inglaterra, para gravar o trabalho com Russ Russell (Napalm Death, Dimmu Borgir, At The Gates) durante o verão de 2022.


‘Position/Momentum’ chega como sucessor de ‘The Eye Is The First Circle’, de 2020, o disco de estreia da banda, e não diminui a intensidade; na verdade, dar ao caos um pouco mais de espaço para respirar transformou o CALLIGRAM em algo ainda mais formidável do que antes, fato notado pela crítica especializada que rendeu elogios à audição do disco com notas publicadas em veículos como Kerrang, Metal Hammer, Decibel, Revolver Magazine, Metal Injection e outros.


Veja algumas notas:

Metal Hammer: “Desequilibrado”

Kerrang: “Tão sutil quanto um Molotov feito de napalm”

Blabbermouth: “Um dos segredos imundos mais bem guardados do Reino Unido”

Decibel: “O tour-de-force do black metal britânico entra com armas em punho”


Sonoramente, a banda refinou ainda mais seu amálgama que passa por um soturno D-beat punk e um frio black metal. Os resultados são tão abrasivos quanto seria de esperar. Ceder espaço para passagens atmosféricas ajuda a criar um ambiente claustrofóbico e ameaçador que ambientam as músicas e permitir a entrada de alguma luz serve apenas para acentuar ainda mais a escuridão que o CALLIGRAM pretende retratar no novo disco.


Mais uma vez, os vocais são entregues no italiano nativo de Matteo Rizzardo - e mesmo aqueles que não falam o idioma devem logo pegar o resumo de suas missivas. Contos de dor, caos, luta e ansiedade são derramados em cada grito angustiado, uma crescente sensação de combustibilidade torna-se palpável à medida que o álbum avança.


O trabalho mais difícil para Rizzardo foi feito longe da banda enquanto ele trilhava um caminho de aceitação e autoanálise. À medida que os fardos em seus ombros ficavam mais pesados e a escuridão consumia tudo, ele começou a entender, abraçar e recuperar as partes mais sombrias de si mesmo.


Position/Momentum documenta seus sentimentos olhando para trás em tempos difíceis - com clareza, aceitação e sim - alegria. Refletir sobre suas experiências com alguma distância emocional significou que a letra veio facilmente; Rizzardo os descreve como "voando" - uma espécie de purificação. A música costuma ser vista como remédio; um bálsamo para acalmar o que te aflige. Sem intenção de usar Position/Momentum como uma muleta, CALLIGRAM criou o oposto - uma celebração cáustica de dor, morte e caos.


Position/Momentum tracklist:

1. Sul Dolore

2. Frantumi In Itinere

3. Eschilo

4. Tebe

5. Per Jamie

6. Ostranenie

7. Ex-Sistere

8. Seminario Dieici


CALLIGRAM é

Matteo Rizzardo - vocais (Itália)

Ardo Cotones - bateria / vocais (Brasil)

Bruno Cambiaghi - guitarra (Brasil)

Tim Desbos - guitarra (França)

Smittens - baixo (Inglaterra)


Mais sobre Calligram


Fonte: Agência 1a1 | Media For Music

Comentarios


bottom of page